Cozinha: como o ambiente evoluiu no passar dos anos

Invista em bons produtos: entenda porque o barato sai caro
4 de março de 2020
As tecnologias assistentes na produção: os processos para fabricação de produtos em aço inox
4 de março de 2020

A sociedade vive em eterna transformação. Se você pensar em vinte anos atrás, provavelmente parecerá a mesma coisa. No entanto, ao assistirmos séries e filmes antigos, a primeira coisa que muitos reparam é como as pessoas se vestiam diferente.

Não apenas isso: o estilo de música mudou, o que se come também se transformou. Todo o modo de vida se altera de acordo com o momento em que a sociedade vive, e as tendências de moda surgem a partir da circunstância da sociedade.

Nem a decoração escapou dessas transformações. Era comum às nossas avós possuírem armários de cozinha trabalhados em madeira, nossas mães terem armários de ferro enquanto nosso próprio armário pode ser em MDF.

Nos dias atuais se lançam estilos e tendências diferentes em um mesmo ano. Assim como a moda, a decoração de ambientes se afeta de maneira profunda pelas transformações.

A cozinha também mudou com o passar dos anos, acompanhando as tendências de moda de cada época.

Evolução na decoração da cozinha

Nos anos de 1970, o estilo de cozinha norte-americano era repleto de azulejos estampados na parede, normalmente floridos. Enquanto no Brasil, a moda era cozinhas coloridas!

Existiam azulejos quadrados (exatamente 15x15cm) na parede em diversas cores: azuis, rosa, amarelo, e nas mais extravagantes, o vermelho ganhou vez. Enquanto no piso, a cerâmica era também pequena.

Nos anos 80, as cores mudaram para tons pasteis e de caramelo. O marrom era presente na cozinha, enquanto os azulejos ganharam estampas mais discretas.

Com a onda de “higienismo” nos anos 90, o branco apareceu nas cozinhas brasileiras. A única cor aceitável era branco – do chão até o teto. Portanto, a cerâmica deveria ser branca, os azulejos brancos, inclusive os eletrodomésticos também.

A moda de armários em ferro branco surgiu, e a cozinha possuía toda um “visual clean”. Com o passar dos tempos, pouco a pouco o inox foi surgindo. Mas ainda, contribuindo para um ambiente em estilo higiênico e muito claro.

Apenas após os anos 2000 a cor voltou às cozinhas. Os mosaicos e azulejos em tamanho grande na parede em cores diferentes apareceram.

Hoje as cozinhas voltaram a ser mais coloridas – no entanto, trouxe isso em seus móveis. As paredes tendem a serem neutras, e os móveis repletos de cores. Todos, no entanto, normalmente em uma mesma cor.

Portanto, a história da cozinha pode ser vista também através dos móveis, eletrodomésticos e eletroportáteis que ela carrega consigo.

A cozinha atualmente

As cozinhas vêm se tornando lugar de convívio e interação entre familiares e amigos, dada a tendência nos últimos anos do preparo de alimentos ser encarado cada vez mais como um hobby, e não só como algo necessário.

Junto com essa tendência, os móveis para a cozinha são cada vez menores. Logo, percebe-se que os espaços disponíveis estão sendo utilizados com engenhosidade, reaproveitando espaços e alocando móveis de forma estratégica. Com isso, ela transmite conforto e acolhimento, pois as pessoas estão ficando cada vez mais tempo neste ambiente.

Após as cozinhas do século XXI nascerem higiênicas, com a predominância do branco em todos os seus móveis, piso, parede e eletrodomésticos, hoje nota-se uma tendência de sofisticação unida à cor.

No entanto, as cores não são mais despojadas de maneira colorida como antes, mas sim em uma paleta de cores moderna, que são harmônicas e conversam entre si.

Da mesma forma, houve uma tendência a adoção de móveis em material MDF (sigla para Middle Density Direboard), e PBO (Particleboard), madeiras amadeirados e trazem mais conforto e sofisticação ao ambiente. Ocorre a união do amadeirado com o colorido, adornando o ambiente da cozinha.

Em contrapartida, o uso de aço inoxidável surgiu com força total. A tendência também traz uma cozinha completamente moderna e arrojada, combinando o aço inox a outras cores, e prezando pela praticidade na cozinha enquanto traz espaços estratégicos.

Os eletrodomésticos e eletroportáteis também surgiram em cores além do branco e preto, fazendo renascer a cor vermelha nas cozinhas brasileiras. No entanto, fazendo a união com um visual arrojado trazido pela evolução da cozinha.

O investimento Xteel para as novas cozinhas

A Xteel é uma empresa que produz acessórios para casa e cozinha. Trabalhamos com aço inox 304, que é completamente inoxidável. Combinando com a tendência de cozinhas arrojadas e modernas, trazemos produtos repletos de elegância.

Produtos como calha úmida, construída com aço inoxidável e com cortes perfeitos é ideal para aqueles que buscam higiene e praticidade no dia a dia, combinando a cozinha com um lugar aberto que se recebe amigos. Para saber mais sobre calha úmida, veja nosso artigo específico para este produto.

Também a calha seca surge de maneira ideal para organizar os utensílios da cozinha, recuperando o espaço perdido com os eletrodomésticos. Possuímos nas cores aço, preto e branco com a linha Black & White.

Além disso, complementamos com acessórios embutidos que tendem a deixar sua cozinha mais organizada.

O ambiente da cozinha é realmente muito importante para o lar. Ele merece planejamento para que fique confortável para toda a família. É preciso, assim, comprar materiais de qualidade para que seu investimento compense.

Consulte os produtos Xteel e veja nossas soluções para casa e cozinha.

× Whatsapp